Mundial de clubes: Encontre todos os campeões e finais

A competição de 2023 terá um vencedor inédito; Manchester City e Fluminense são os que têm maior probabilidade de estrear no pequeno grupo dos campeões mundiais


O Copa do cosmo de clubes da FIFA de 2023 terá um campeão inédito na sua história. Nenhum dos clubes participantes do torneio deste ano chegou à final da competição em sua história. Os principais favoritos Manchester City e Fluminense podem fazer história em seus respectivos países. e adicionar nomes a um seleto grupo de clubes que podem ostentar a alcunha O melhor time do mundo . Além deles, Al-Ittihad (Árabia Saudita), Al-Ahly (Egito), Leão (Mexico) e Urawa Reds (Japao) formam o grupo de seleções desta Copa do cosmo O Auckland City, da Nova Zelândia, foi eliminado pelo Al-Ittihad na primeira rodada da competição.

Os melhores momentos do Real Madrid 5 x 3 Al Hilal na final do Mundial de clubes de 2022

O último clube de fora do Antigo continente a vencer a competição foi o Corinthians contra o Chelsea, em 2012, no Japão. Nas edições seguintes venceram: Real Madrid (cinco vezes), Bayern de Munique (duas vezes), Barcelona (uma vez) e Liverpool (uma vez).

Os europeus também levam vantagem sobre os sul-americanos no número de títulos de Copas do universo contando as edições desde 1960. São 36 vitórias de seleções europeias contra 25 de seleções sul-americanas. Nenhuma equipe de outro continente foi coroada campeã até o momento.

Benzema, que atualmente joga no Al Ittihad, levanta o troféu do Mundial de clubes de 2022 em nome do Real Madrid.Ilustração: Andrew Boyers / Reuters

A Espanha é o país mais bem sucedido com 11, seguida pelo Pau-Brasil (10), Argentina e Itália (9 cada). O Brasil tem seis seleções em Copas do universo recorde entre todos os países São Paulo (três), santas (dois), Corinthians (dois) e Internacional, Grêmio, Flamengo (um) veja tabela abaixo.

Você sabe qual clube brasileiro ganhou o Mundial de clubes?

CLUB WORLD CUP: campeões em todos os formatos desde 1960

CLUBES # DE TÍTULOS ANOS
Real Madrid 8 1960, 1998, 2002, 2014, 2016, 2017, 2018 e 2022
Milan 4 1969, 1989, 1990 e 2007
Bayern de Munique 4 1976, 2001, 2013 e 2020
Barcelona 3 2009, 2011 e 2015
São Paulo 3 1992, 1993 e 2005
Inter de Milão 3 1964, 1965 e 2010
Boca Juniors 3 1977, 2000 e 2003
Peñarol 3 1961, 1966 e 1982
Nacional 3 1971, 1980 e 1988
Santos 2 1962 e 1963
Corinthians 2 2000 e 2012
Juventus 2 1985 e 1996
Independiente 2 1973 e 1984
Manchester United 2 1999 e 2008
Ajax 2 1972 e 1995
Porto 2 1987 e 2004
Atlético de Madrid 1 1974
Internacional 1 2006
Grêmio 1 1983
Flamengo 1 1981
River Plate 1 1986
Estudiantes 1 1968
Racing 1 1967
Vélez Sarsfield 1 1994
Borussia Dortmund 1 1997
Liverpool 1 2019
Feyenoord 1 1970
Estrela Vermelha 1 1991
Olimpia 1 1979
Chelsea 1 2021

Veja a distribuição dos nomes por país:

títulos mundiais por país, incluindo todos os formatos desde 1960

Posição País Títulos Clubes
1. Espanha 12 Real Madrid (8), Barcelona (3) e Atlético de Madrid
2. Brasil 10 São Paulo (3), Santos (2), Corinthians (2), Internacional, Grêmio e Flamengo
3. Itália 9 Milan (4), Inter de Milão (3) e Juventus (2)
Argentina 9 Boca Juniors (3), Independiente (2), River Plate, Estudiantes, Racing e Vélez Sarsfield
5. Uruguai 6 Peñarol (3) e Nacional (3)
6. Alemanha 5 Bayern de Munique (4) e Borussia Dortmund
7. Inglaterra 4 Manchester United (2), Liverpool e Chelsea
8. Holanda 3 Ajax (2) e Feyenoord
9. Portugal 2 Porto (2)
10. Sérvia 1 Estrela Vermelha
Paraguai 1 Olímpia

Saber tudo sobre as finais do Mundial de clubes:

Copa Intercontinental:

  • 1960 Real Madrid (ESP) 0 x 0 e 5 x 1 Penarol (URU)
  • 1961 Penarol (URU) 0 x 1 e 5 x 0 Benfica (POR)
  • 1962 santas 3×2 e Benfica 5×2 (Porto)
  • 1963 santas 2×4, 4×2 e 1×0 Milão (Itália)
  • 1964 – Internacional (ITA) 0 x 1, 2 x 0 e 1 x 0 Independente (ARG)
  • 1965 – Internacional (ITA) 3 x 0 e 0 x 0 Independente (ARG)
  • 1966 Penarol (URU) 2 x 0 e 2 x 0 Real Madrid (ESP)
  • 1967 – Racing (ARG) 0 x 1, 2 x 0 e 1 x 0 Celtic (ESC)
  • 1968 – Estudiantes (ARG) 1 x 0 e 1 x 1 Manchester United (ING)
  • 1969 Milan (Itália) 3×0 e 1×2 Estudiantes (Argentina)
  • 1970 – Feyenoord (HOL) 2 x 2 e 1 x 0 Estudiantes (ARG)
  • 1971 – Seleção (URU) 2 x 1 e 1 x 1 Panathinaikos (GRE)
  • 1972 – Ajax (HOL) 1 x 1 e 3 x 0 Independente (ARG)
  • 1973 Independência (Argentina) – Juventus (Itália) 1 x 0
  • 1974 Atlético de Madrid (ESP) 0x1 e 2×0 Independiente (ARG)
  • 1975 – Não realizado
  • 1976 Bayern CERVEJA INGLÊSA 2 x 0 e 0 x 0 cruzeiro
  • 1977 Boca Juniors (Argentina) 2 x 2 e 3 x 0 Borussia Monchengladbach (CERVEJA)
  • 1978 – Não produzido
  • 1979 Olympia (PÁRIO) 1×0 e 2×1 Malmö (Suíça).
  • 1980 – Nacional (URU) 1 x 0 Nottingham Forest (ING)
  • 1981 – 3456985″ class=”synonyms”>Flamengo 3 x 0 Liverpool (ING)
  • 1982 – Peñarol (URU) 2 x 0 Aston Villa (ING)
  • 1983 Grêmio 2 x 1 Hamburgo CERVEJA INGLÊSA
  • 1984 – Independiente 1 x 0 Liverpool (ING)
  • 1985 Juventus (Italia) 2×2 (4×2 na disputa de pênaltis) Argentinos Juniors (ARG)
  • 1986 River Plate (Argentina) 1 x 0 Steaua Bucareste (Roma)
  • 1987 – Porto (POR) 2 x 1 Peñarol (URU)
  • 1988 – Nacional (URU) 2 x 2 (7 x 6 nos pênaltis) PSV (HOL)
  • 1989 Milão (Itália) Atlético Nacional (COL) 1 x 0
  • 1990 Milan (Itália) 3 x 0 Olímpia (PÁRIO)
  • 1991 Estrela Vermelha (IUG) 3 x 0 Peito Colo (CHI)
  • 1992 São Paulo Barcelona 2×1 (ESP)
  • 1993 São Paulo, Milão 3×2 (Itália)
  • 1994 Vélez Sarsfield (ARG) 2 x 0 Milão (ITA)
  • 1995 Ajax (Hall) 0 x 0 (penal 4 x 3) Grêmio
  • 1996 Juventus (Italia) – River Plate 1 x 0 (Argentina)
  • 1997 Borussia Dortmund CERVEJA INGLÊSA 2 x 0 cruzeiro
  • 1998 Real Madrid (ESP) 2 x 1 Vasco da Gama
  • 1999 – Manchester United (ING) 1 x 0 Palmeiras
  • 2000 – 144517″ class=”synonyms”>Boca Juniors (ARG) 2 x 1 Real Madrid (ESP)
  • 2001 Bayern de Munique CERVEJA INGLÊSA Boca Juniors (ARG) 1 x 0
  • 2002 Real Madrid (Valencia) 2 x 0 Olímpia (PÁRIO)
  • 2003 Boca Juniors (Argentina) 1 x 1 (pênalti 3 x 1) Milão (ITA)
  • 2004 Porto (POR) 0 x 0 (pênalti 8 x 7) Once Caldas (KOL)

Mundial de Clubes da Fifa

  • 2000 Corinthians 0 x 0 (penal 4 x 3) Vasco da Gama
  • 2001 a 2004 – Não implementado
  • 2005 São Paulo – Liverpool 1 x 0 (ING)
  • 2006 – Internacional 1 x 0 Barcelona (ESP)
  • 2007 Milão (Itália) 4×2 Boca Juniors (Argentina)
  • 2008 – 1363130″ class=”synonyms”>Manchester United (ING) 1 x 0 LDU (EQU)
  • 2009 – Barcelona (ESP) 2 x 1 Estudiantes (ARG)
  • 2010 Inter de Milão (Ita) – Mazembe 3 x 0 (Con)
  • 2011 Barcelona (ESP) 4 x 0 Ārya
  • 2012 – Corinthians 1 x 0 Chelsea (ING)
  • 2013 Bayern de Munique (CERVEJA) 2×0 Raja Casablanca (INFINIDADE)
  • 2014 – Real Madrid (ESP) 2 x 0 San Lorenzo (ARG)
  • 2015 – Barcelona (ESP) 3 x 0 River Plate (ARG)
  • 2016 Real Madrid (ESP) 4 x 2 Kashima Antlers (Japão)
  • 2017 Real Madrid (ESP) 1 x 0 Grêmio
  • 2018 Real Madrid (ESP) 4 x 1 Al Ain (Emirados Árabes Unidos)
  • 2019 – Liverpool (ING) 1 x 0 Flamengo
  • 2020 Bayern de Munique CERVEJA INGLÊSA 1 x 0 leopardos (México)
  • 2021 Chelsea (Inglaterra) 2 x 1 Palmeiras
  • 2022 – Real Madrid (ESP) 5 x 3 Al Hilal (ARA)

Recomendamos

?>